Foto - Erico Gondim
Artesãs cearenses produzem sapatos com arte milenar e sustentabilidade através do reuso de materiais
28 de agosto de 2017
Secretários e dirigentes de cultura do Brasil lançam o manifesto e campanha “Quero Cultura”, durante reunião em Brasília
29 de agosto de 2017

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O 2º FESTIVAL DO CONSELHO BRASILEIRO DE DANÇA (CBDD), QUE ACONTECERÁ NA CAPITAL CEARENSE EM SETEMBRO

ARTE

A capital cearense receberá mais um grande evento cultural produzido pela ONG Bailarinos de Cristo, Amor e Doações (BCAD) em setembro: trata-se do 2º Festival do Conselho Brasileiro de Dança (CBDD) Fortaleza – Seletivas Brasil, uma oportunidade única para bailarinos, coreógrafos e outros interessados no mundo da dança aprimorarem seus conhecimentos e competirem por diversos prêmios.

Promover o aprimoramento e profissionalização de bailarinos, professores e coreógrafos, através de cursos de graduação, contribuir para preservar e dignificar o legado cultural da dança brasileira, valorizar, através de homenagem, as personalidades em destaque, dentro do universo da dança, possibilitar o ingresso de bailarinos no mercado de trabalho, além de criar parcerias com sindicatos, prefeituras e demais órgãos interessados em divulgar a dança, são alguns dos objetivos do Festival e do Conselho Brasileiro de Dança.

O 2º Festival CBDD Fortaleza acontecerá de 13 a 17 de setembro. Nos dias 13 e 14 a programação contará com oficinas e workshops em diversas escolas de dança da capital cearense com professores de todo Brasil. De 15 a 17 de setembro acontecerá a Mostra Competitiva do Festival, onde os destaques, em diversas modalidades, serão agraciados com vários prêmios, como intercâmbios em outros estados, participações em diversos festivais de dança do Brasil, além de prêmios em dinheiro, passagens aéreas e outros apoios para cursos gratuitos fora do Ceará.

Além de mostrar os novos talentos da dança na Mostra Competitiva, o 2º Festival do CBDD Fortaleza contará com apresentações dos primeiros bailarinos do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Deborah Cavalcanti e Filipe Moreira, que irão dançar o Grand Pás de Deux de “D. Quixote” e “Romeu e Julieta” e deverão encantar o público que irá prestigiar o evento.

Os dois bailarinos irão também ministrar cursos de Pás de Deux nos dias 15 e 16 de Setembro, das 9h às 10h30min, na Escola de Ballet Madiana Romcy (veja a lista completa no release sobre cursos do 2º Festival do CBDD Fortaleza).

O Festival do CBDD 2017, em sua segunda edição no Ceará, cresceu bastante em relação ao evento do ano passado, e faz parte das comemorações dos 50 anos de dança da coreógrafa e diretora Janne Ruth, que dirige o BCAD e promove o Festival Internacional de Dança de Fortaleza e Itinerante do Ceará – Fendafor. Janne também atua como Delegada do Conselho Brasileiro da Dança no Ceará, defendendo os interesses dessa arte no estado e promovendo ações que auxiliem no crescimento deste mercado cultural. “Aumentamos os dias, a quantidade de prêmios, também crescemos no número de cursos. O evento é como se fosse uma extensão do Fendafor. Além das apresentações, mostra competitiva, oficinas e debates, nessa edição estaremos nomeando também oito novos conselheiros do CBDD no estado, que me ajudarão nessa difícil tarefa de difundir e defender a dança do Ceará”, afirma Janne.

As inscrições para os bailarinos e grupos de dança interessados em participar do 2º Festival do CBDD em Fortaleza já estão abertas. Interessados nos cursos e na mostra competitiva deverão acessar o site www.festivalcbddfortaleza.weebly.com .

As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de agosto, podendo ser prorrogadas se sobrarem vagas em alguma categoria ou modalidade. Quaisquer dúvidas podem ser tiradas pelo email festivalcbddfortaleza@gmail.com ou pelo telefone 85 3482-0510.

HISTÓRIA DO CONSELHO BRASILEIRO DA DANÇA

O Conselho Brasileiro de Dança é uma instituição não governamental sem fins lucrativos, que representa todas as formas de dança, seja como arte, educação ou objeto de pesquisa. Possui carácter não discriminatório, seguindo os princípios da ONU e UNESCO, sem discriminação de raças, crenças, religiões, filiações políticas ou classes sociais. O CBDD tem representatividade em todos os estados, através de seus delegados, que dão suporte e visibilidade à dança em seus estados.

Criado em 1949 e oficializado em 17 de setembro de 1979, no Rio de Janeiro, teve como primeiro presidente a Sra. Helba Nogueira. Em sua gestão, criou o Festival Internacional de Dança da CBDD, uma mostra competitiva séria e de grande credibilidade. Na linha de homenagens, criou a Medalha de Mérito Artístico da Dança, conferida a artistas do Brasil e exterior. Em 13 de julho de 1997 Mariza Estrella assumiu a presidência do CBDD, criando a partir daí, um Comitê Executivo e o Cargo de Delegado, para os representantes do Conselho em cada estado. Essa medida ampliou a visibilidade do CBDD e facilitou a divulgação da dança em todas as regiões do Brasil.

Em 16 de junho de 2012, durante o Festival Internacional de Dança de Goiás, Gisela Vaz foi nomeada presidente do CBDD, passando a sede da instituição para a cidade de Goiânia. Desde então vem implantando novas diretrizes ao CBDD, estimando a realização de festivais com o apoio do Conselho Brasileiro de Dança em diversos estados. Essa medida foi criada visando a descentralização da dança brasileira e possibilitando aos bailarinos, coreógrafos, professores e diretores a divulgação seus trabalhos. Também na gestão de Gisela Vaz foi criado o título de Membro Associado, onde pessoas e instituições podem ser associadas ao CBDD e usufruir de várias vantagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *